Viagem

Road trip na California

bixby-creek-bridge

Uma série de posts sobre minha primeira viagem internacional pra California começa agora. Dicas de viagem são sempre válidas mesmo com o tanto de informação que tem por aí. Afinal de contas, cada um tem um ponto de vista particular e algo pra acrescentar.

Meu sonho norte-americano vivia em mim desde Patricinhas de Bervely Hills. E Posso dizer que sou a grande vítima da indústria de entretenimento quando se trata de Hollywood. Não deu outra. Passei um ano enchendo o cofrinho e em setembro de 2014 fui com o meu namorado para a costa oeste dos Estados Unidos. A Califórnia é o estado mais populoso de seu país. De um lado, o oceano pacífico com várias paisagens de tirar o fôlego e, no interior, as montanhas do Yossemite National Park – que eu ainda não tive a oportunidade de conhecer mas pretendo muito em breve.

Roteiro

Roteiro California

O itinerário que eu escolhi é conhecido como Pacific Coast Highway ou Highway 1 – você pode pesquisar por essas palavras que haverá informações SEM FIM pela internet. Resumidamente, trata-se de descer pela estrada do litoral. De todas as paradas pelo paraíso, quatro são principais: San Francisco, Monterrey, Los Angeles e San Diego. Como ficamos poucos dias em cada lugar, desencanamos de fazer tudo que queríamos. E tudo bem! Pra nós, o importante era fazer alguma coisa, já que se esperássemos tempo e dinheiro para tudo o que queríamos, íamos acabar não fazendo nada.

Compramos a nossa passagem pela TAM com conexão em Nova York – passei 4 dias na Big Apple na volta. Foram 26 horas de percurso, super cansativo! Ficamos hospedados pelo AirBnb em São Francisco, Los Angeles e San Diego. Nas duas noites da extensa Highway 1 queríamos ficar na cidade que nos desse na telha, então paramos em hotéis de beira de estrada.

Carro

No ultimo dia de San Francisco Alugamos um Mustang automático pela RentalCars – parece caro, mas eu juro que é uma opção com preço mediano. Um conversível é de fato um carro poético pra fazer essa rota, mas a parte prática sai um pouco prejudicada. Se você tem intenção de fazer compras em outlets ou levar grandes malas, já aviso: o porta malas de um Mustang é pequeno e só cabe uma mala grande mais uma de mão. Super deu para nós! Como estávamos em duas pessoas, encaixamos a outra mala  no banco de trás. É importante saber que locadoras geralmente colocam uma opção similar na falta do carro que você escolheu, então marcamos a retirada no primeiro horário para não correr risco.

Quanto custa? Na época foi bem em conta, US$ 49/dia com seguro e sem GPS. Hoje aumentou pouca coisa, US$ 52/dia pela AlamoComo tínhamos pacote de dados, apostamos no Waze e deu tudo certo!

Telefonia e Internet Móvel

Se tinha uma coisa que eu pre-ci-sa-va era de internet na hora que eu tirasse o primeiro pé do avião e pisasse na terra do Tio Sam. Contratamos o serviço da CelTravel, uma empresa brasileira que vende um plano ilimitado de dados e ligações nos Estados Unidos. Você combina com eles por e-mail e dias antes antes da viagem eles te enviam o chip pelo correio, assim, quando você chegar lá já estará tudo habilitado e funcionando. Hoje em dia existem outros serviços como esse, a EasySim4U é outro exemplo e está bombando!

Quanto custa? O chip custa US$ 9.99 e a contratação do plano é US$ 3.99/dia, se você quiser fazer ligações para o Brasil é adicionado o valor de US$ 1.49/dia.

Tudo isso deixamos prontos para a viagem começar…
Precisa de alguma ajuda para organizar seu roteiro pela Highway 1? Deixe nos comentários!

Texto editado por Mariana Bruno
COMPARTILHE:

POSTS RELACIONADOS

2 Comentários

  • Reply
    Natalia
    22 de maio de 2017 at 12:53

    Ei Jacke, sei que é um pouco chato falar de valores. Mas tem como falar uma estimativa de valor total gasto? Com exceção das passagens, é claro!
    Bjs

    • Reply
      Jackeline Dinizo
      1 de junho de 2017 at 17:16

      Nati,

      Magina, não é nem um pouco chato falar. Mas os valores mudaram muito daquela época.

      Vendo aqui minha planilha de custos, com airbnb + carro eu gastamos 2500 dólares.
      + alimentação, se você contar uns 25 dólares por refeição + 10 dolares café da manhã, dá mais 600 dólares/pessoa.

      Com gasolina, alimentação, e hospedagem e passeios gastamos uns 4mil dólares (os dois juntos, dois mil pra cada)

      Aí tem mais a passagem, né, que varia. E as compra$$$$$$.

      Espero ter ajudado! Bjs